Notícias

STF21 300x200 - Notícias

Supremo Tribunal Federal

STJhd1 300x211 - Notícias

Noticias do STJ

 

Tribunal Superior do Trabalho 300x200 - Notícias

Notícias RSS do TST

Notícias RSS do TST

(Seg, 25 Abr 2018 15:02:00)

O Tribunal Superior o Trabalho (TST) reverteu justa causa de barman que tentou organizar movimento grevista. O profissional tentou mobilizar os trabalhadores após o restaurante e o sindicato da categoria firmarem acordo coletivo para que comissões e gorjetas, antes pagas diretamente aos empregados, fossem reduzidas em 35% e incluídas no contracheque.

O Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (SP) reformou a sentença que havia condenado o restaurante a pagar as verbas rescisórias ressaltando que, em vez de acionar o sindicato da categoria, o empregado assumiu o lugar do ente sindical e tentou articular um movimento grevista.

Em recurso ao TST, o barman argumentou que, segundo o artigo 482 da CLT, são estabelecidas formas taxativas as hipóteses de cabimento da justa causa e que nenhuma delas caberia aplicação em seu caso.

A relatora na Quarta Turma, ministra Maria de Assis Calsing, aceitou o recurso e explicou que o direito de greve é assegurado pelo artigo 9º da Constituição Federal, por convenções e acordos internacionais, cabendo aos próprios trabalhadores decidir sobre a oportunidade de exercê-lo. Por unanimidade o restaurante foi condenado a pagar indenização referente ao período de estabilidade do trabalhador.

 
Esta matéria tem caráter informativo, sem cunho oficial.
Permitida a reprodução mediante citação da fonte.
Coordenadoria de Rádio e TV
Tribunal Superior do Trabalho
Tel. (61) 3043-4264
crtv@tst.jus.br